Buscar

Jan de 2039



Uma viagem ao futuro. Estamos em 2039. O rádio mudou várias vezes de cara até tornar-se o que é hoje: um meio de comunicação moderno, ágil e segmentado – características essenciais para preencher as necessidades e atender aos anseios dos diversos tipos de consumidores de informação e de entretenimento. O video tornou-se febre mundial. Sites especializados com bilhões de videos estão disponíveis. A televisão digital foi um fracasso diante das possibilidades que a internet nos trouxe.

O rádio se modernizou, mas acabou "engolido" por novas opções. Diga-se: celular com rádio digital, com câmera de video, com GPS, e outros recursos integrados ainda faz sucesso. No século passado uma mobília na sala de estar trazia para a família o entretenimento e informação. As rádios musicais resistiram e se multiplicaram. Cada uma em seu próprio segmento. Estamos em 2039 e nossa "aventura" está começando

Qualquer pessoa hoje faz sua programação musical e disponibiliza no celular ou em em suas páginas na internet. A interatividade é muito forte e todos participam dando opiniões e esclarecendo dúvidas sobre diversos assuntos. Como já perceberam, cada um tem sua própria emissora e os destaques ficaram para aqueles que segmentaram sua programações. Não há mais publicidade paga entre as músicas. O mercado publicitário se adaptou ao procedimento de pay-to-listen. O celular agora cresceu um pouco mais para caber todos os gadgets que estão em moda. O rádio teve seu meio de transmissão modificado, mas em 2036 o companheirismo é o mesmo.


0 visualização
  • Grey Instagram Icon
  • Ícone cinza LinkedIn
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Ícone
  • Grey YouTube Icon

@ruyjobim since 1964